CENSURA, DITADURA, POLITICAMENTE CORRETO

Seguidores

domingo, 19 de maio de 2013

MANIPULAÇÃO DA MENTE - DEGRADAÇÃO E CONQUISTA MARCHAM JUNTAS - PSICOPOLÍTICA


Este é um capítulo do manual PSICOPOLÍTICA, que é aceito como soviético,  embora haja controvérsias. No entanto, não podemos desconsiderar que o comunismo e o socialismo possam ser sistemas longamente planejados por sociedades secretas, SEM PÁTRIA, e buscam a concretização de uma AGENDA GLOBALISTA .


CAPÍTULO VIII

DEGRADAÇÃO, CHOQUE E RESISTÊNCIA

A degradação e a conquista marcham juntas. Para conquistar uma nação, primeiro ter-se-á que a desmoralizar, seja mediante ação de guerra, seja dominando-a por meio de humilhantes tratados ou entregando seu povo à mercê dos exércitos inimigos. Sem dúvida, a degradação pode realizar- se de forma mais eficaz e insidiosa mediante a difamação permanente e organizada.

A difamação é a arma melhor e mais importante da Psicopolítica em geral. Tem-se que levar a cabo, de maneira sistemática, uma campanha de difamação das instituições, dos dirigentes, dos costumes e dos heróis nacionais; mas, em termos gerais, essa tarefa corre por conta dos membros do Partido Comunista e não dos agentes psicopolíticos.
O objetivo da difamação e da degradação é o próprio homem. Ao atacar a personalidade e a moral do homem e ao provocar, por meio da contaminação da juventude, um ambiente de degradação geral, facilita-se grandemente o domínio sobre a população.

Existe uma curva no processo de degradação que, em sentido descendente, chega até um ponto no qual a resistência do indivíduo é quase nula e onde qualquer ação exercida sobre ele o submeterá a estado de choque. Desse modo, pode-se vexar, maltratar, desmoralizar e degradar um prisioneiro até que o mínimo gesto de seus carcereiros o faça tremer . Assim, a menor palavra de seus inimigos o fará obedecer, mudar de convicções e aceitar qualquer ordem . No último extremo de sua degradação, chegará até a assassinar seus companheiros de quartel. As experiências realizadas com prisioneiros alemães têm demonstrado que, com apenas setenta dias de alimentos infectos, de privação do sono e de alojamento em condições quase intoleráveis, pode conseguir-se submeter o prisioneiro a um estado de choque abaixo do limite de sua resistência, com o qual se consegue fazê-lo obedecer, como hipnotizado, a qualquer ordem que se lhe dê. Dessa maneira, pode-se obter obediência servil de milhares de prisioneiros, sem ter que se ocupar pessoalmente de cada um, e se consegue modificar suas crenças e dirigir sua conduta futura, depois de haverem sido devolvidos aos seus. 

Minando as resistências de uma pessoa, de um grupo ou de uma nação, por meio da desmoralização e degradação constantes, é possível induzir um estado de choque.  O primeiro que se tem de desmoralizar, em uma nação, é o próprio homem. As nações que gozam de, um alto nível ético são mais difíceis de conquistar. Nelas as convicções são muito sólidas, a adesão aos dirigentes é fanática e o que chamam de integridade espiritual não se pode minar pela violência. Não convém atacar uma nação nessas condições. O propósito básico da Psicopolítica é reduzir o nível da nação até um ponto em que seus habitantes possam ser dominados e escravizados. Por isso, o indivíduo é o objetivo da Psicopolítica. Tem-se que rebaixar o homem em sua estrutura espiritual, até degradá-lo à condição puramente animal; tem-se que o obrigar a não pensar em si mesmo, nem em seus semelhantes como capazes de resistência espiritual e de nobreza.



O melhor recurso para as primeiras etapas da desmoralização é a propaganda de «caráter científico>>. Com ela, deve-se demonstrar que o homem é um mecanismo carente de individualidade e que as reações individualistas são produto de anomalias mentais. As massas devem chegar a estar convencidas de que qualquer indivíduo que se rebele, de qualquer maneira, contra os esforços e os intentos de escravização, deve ser considerado como um desequilibrado, cujas excentricidades são fruto de neurose ou de demência, e que deve ser posto, de imediato, sob tratamento em mãos dos agentes psicopolíticos.

Um grande passo nessa campanha seria dirigir-se às Forças Armadas da nação e convencê-las de que os desobedientes devem submeter-se a uma “cura mental”.  A escravização da nação pode fracassar se se possibilitar liberdade de ação a tais indivíduos rebeldes, que podem apelar aos demais cidadãos, chamando-os à reflexão e recordando-os de seus deveres e de suas convicções tradicionais. A menos que se ponham os indivíduos em questão bem guardados, entregando-os aos agentes psicopolíticos, surgirão complicações que serão obstáculos à conquista da nação.

Os funcionários do governo, os estudantes, os que lêem e os que assistem a espetáculos públicos devem ser doutrinados, por qualquer meio que seja, para persuadi-los de que os rebeldes, os ambiciosos, os dirigentes natos sofrem de inadaptação, que só pode ser curada com o «tratamento mental” administrado pelos agentes psicopolíticos, disfarçados de cientistas. Com essa difamação em grande escala, ajudada pelas cunhas econômicas que se apliquem ao país, é relativamente fácil isolar entre si os cidadãos e conseguir que cheguem a duvidar da prudência do próprio governo e que até clamem por sua escravização.

Os programas educacionais psicopolíticos devem visar aos jovens, futuros dirigentes do país, para doutriná-los acerca da animalidade humana. Essa doutrina deve chegar a pôr-se em moda. Os jovens devem chegar a convencer-se de que as idéias e o comportamento individual são coisas suspéitas. Sobretudo, deve inculcar-se-lhes que a salvação do homem enraíza-se somente em sua completa adaptação ao ambiente em que vive. Os programas educativos da Psicopolítica podem ser aplicados melhor se forem estabelecidas como obrigatórias algumas matérias, como, por exemplo, a Psicologia e práticas afins, e assegurando-se de que o ensino seja dirigido por psiquiatras adestrados como agentes psicopolíticos .

Como parece que, em alguns países, é a Igreja o órgão de maior influência na elevação espiritual, todas e cada uma das organizações e práticas religiosas devem ser desacreditadas. Tem-se que persuadir o  povo de que a religião é algo fora de moda, mediante o doutrinamento psicopolitico; que a alma não existe e que o homem é nada mais que um animal. Os métodos falhos do cristianismo induzem os homens a realizar atos heróicos, com seus ensinamentos de uma vida futura. Isso deve ser eliminado, para conseguir-se a obediência das massas. Por isso, tem-se que conseguir que se deixe de acreditar nas igrejas e fazer desaparecer o poder da religião. 

Um ponto do programa psicopolítico de degradação consiste em denunciar toda família que tenha convicções religiosas e, se se conseguir provocar algum caso de demência ou neurose em tal família, responsabilizar por isso as crenças aludidas. A pessoa de arraigada religiosidade deverá ser cada vez mais responsável pela sua própria saúde mental e     dever-se-á tratar de levá-la, cada dia mais, para a zona de influência dos agentes psicopolíticos.

Quando se pervertem as instituições nacionais e se provoca um estado de degradação geral, juntando a isso o manejo da Economia com o objetivo de causar escassez e crises, com poucos impactos poderá obter-se, das massas, uma reação de obediência ou de histeria. Dessa maneira, à menor ameaça de guerra, só a menção de bombardeios aéreos fará com que a população instantaneamente capitule, em busca de paz. Isso significa uma larga e árdua tarefa para o agente psicopolítico, mas, para levá-la a cabo, não serão necessários mais de vinte ou trinta anos, tendo, como temos, a nosso alcance, os instrumentos com que realizar nossos fins.
_______________________________________________________



CONSPIRAÇÃO CONTRA A CIVILIZAÇÃO OCIDENTAL - VIOLÊNCIA E CAOS SÃO PARTE DA AGENDA (ORVIL E YURI BEZMENOV)









Vídeo de origem:
A Conspiração Comunista Mundial

http://www.youtube.com/watch?v=ToVhVj1mNVo


OUTROS:

O EX-REVOLUCIONÁRIO DOSTOIEVSKY CONTA TUDO EM "OS DEMÔNIOS"
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/05/dostoievsky-publicou-os-demonios-em.html

LAVAGEM CEREBRAL
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/04/lavagem-cerebral-aldous-huxley.html

PSICOPOLÍTICA
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/04/psicopolitica.html

TERRORISMO, CRISES ECONÔMICAS, REVOLUÇÕES, GUERRAS SÃO PROGRAMADOS NAS SOCIEDADES SECRETAS - KARL MARX , ADAM WEISHAUPT, ALBERT PIKE, GIUSEPPE MAZZINI E A REVOLUÇÃO ILLUMINATI DA NOVA ORDEM MUNDIAL
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/03/terrorismo-e-sociedades-secretas-karl.html

GOVERNO NEGOCIA COM O CRIME ORGANIZADO?
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/02/governo-negocia-com-o-crime-organizado.html

GLOBALISTAS ILLUMINATI SÃO SOCIALISTAS FABIANOS - OLAVO DE CARVALHO
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/01/globalistas-illuminati-sao-socialistas.html

SOCIEDADES SECRETAS, ILLUMINATI E REVOLUÇÕES NO MUNDO
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/01/sociedades-secretas-illuminati-e.html

CONSPIRAÇÃO CONTRA A CIVILIZAÇÃO CRISTÃ
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/01/conspiracao-contra-civilizacao-crista.html

AGENDAS GLOBALISTAS
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/01/agendas-globalistas-serem-estudadas.html

CRISES, CRIMES E MENTIRAS SÃO FERRAMENTA DE TRABALHO (MARXISTA/ILLUMINATI, NOVA ORDEM MUNDIAL)
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/02/crimes-e-mentiras-sao-ferramenta-de.html

EDUCAÇÃO NA NOVA ORDEM MUNDIAL - MAQUIAVEL PEDAGOGO - PASCAL BERNARDIN
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/02/educacao-na-nova-ordem-mundial-e.html

MANIPULAÇÃO DOS DIREITOS DEMOCRÁTICOS PARA ATACAR A DEMOCRACIA POR DENTRO
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/03/manipulacao-dos-direitos-democraticos.html

FORMAÇÃO DO IMBECIL COLETIVO PELA EDUCAÇÃO
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/02/formacao-do-imbecil-coletivo-pela.html


ORVIL - TENTATIVAS DE TOMADA DE PODER
(HISTÓRIA DO TERRORISO NO BRASIL) 
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/05/orvil-tentativas-de-tomada-de-poder.html

______________________________




 

LAVAGEM CEREBRAL-LIVRO 
(PSICOPOLÍTICA)


Parece que tem uma ligação com a Cientologia! Essa seita sempre está envolvida em boatos de conspirações. 
Tb tem muito em comum com outras descrições de agendas globalistas ou de regimes totalitários já implantados. Ele condiz perfeitamente com relatos de ex-comunistas, refugiados e dissidentes, vítimas ou testemunhas da manipulação de mentes por regimes totalitários, e portanto pelo comunismo internacional.  



PSICOPOLÍTICA - O USO POLÍTICO DA PSIQUIATRIA http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/04/psicopolitica.html

3 comentários:

  1. Isso não convence ninguém. Este é o The Brainwashing Manual, escrito por Kenneth Goff, um ministro americano, conservador e cristão (protestante provavelmente). Para ter a mente deturpada assim, só podia ser americano.

    Mais aqui:

    http://en.wikipedia.org/wiki/Brain-Washing_%28book%29

    ResponderExcluir
  2. Vou verificar. Pelo que está lá, parece que tem uma ligação com a Cientologia! Essa seita é muito suspeita, parece que está metida com muita conspiração e conspiradores,...

    ResponderExcluir
  3. Tá parecendo Os Protocolos dos Sábios de Sião, ninguém tem certeza da autoria, mas ele é verdadeiro na prática e tem muito em comum com outras agendas globalistas. Na prática, pode-se constatar que esse livro, PSICIPOLÍTICA, condiz perfeitamente com outros relatos e descrições de planos de manipulação de mentes criados pelo comunismo internacional, Dá uma olhada em Aldous Huxley, por ex, aqui no blog.

    Abs

    ResponderExcluir