CENSURA, DITADURA, POLITICAMENTE CORRETO

Seguidores

quinta-feira, 4 de maio de 2017

A FARSA MIGRATÓRIA NA ITÁLIA - REFUGIADOS DE ARAQUE SÃO IMIGRANTES CLANDESTINOS




Publicado em 4 de mai de 2017
Osnoticiários de todo o mundo tem mostrado com frequência o efeito da
imigração em massa, que tem tomado países como França e Alemanha,
resultando em uma epidemia de ataques terroristas e outros tipos de
violência. Porém, outros países também sofrem com isso. Um exemplo é a Itália, devido à sua posição geográfica. Conforme demonstra Luca
Donadel​, diversos portais de notícias italianos estão reportando
falsamente que refugiados são salvos na costa da Sicília, levando a um
acobertamento de um massivo esquema de tráfico humano.

Luca também demonstra a falsidade da União Europeia frente ao assunto, visto que o povo italiano é obrigado a pagar bilhões do próprio bolso, via impostos para lidar com o problema, enquanto os burocratas milionários de Bruxelas desembolsam apenas uma fração do que os italianos pagam, enquanto monopolizam os holofotes. Como sempre, alguém está lucrando, por trás dos bastidores, às custas do povo. Que isso sirva de aviso para as diversas maquinações que, sem dúvida, irão acontecer aqui no Brasil, nos próximos meses.

TRADUTORES DE DIREITA
Webpage: http://TradutoresdeDireita.org
Facebook: http://facebook.com/tradutoresdedireita
YouTube: https://youtu.be/_ycjzo9lccI
Twitter: http://twitter.com/tradutores_br
Vídeo no YouTube: https://youtu.be/5jJiMwAVW5E
Vídeo original: https://youtu.be/dP4rYgJKo_w
Canal Luca Donadel: https://www.youtube.com/channel/UCd1-...


"É lindo o sujeito se gabar de que "convive com as diferenças", contanto que possa suprimi-las da mídia, da universidade, dos festivais de cinema, etc" "A censura que os comunistas exercem sobre a circulação das idéias em todos os canais de cultura que eles dominam é MIL VEZES MAIS OPRESSIVA E INTOLERANTE do que aquela que os militares um dia exerceram no Brasil.' OLAVO DE CARVALHO 

O QUE PENSAM OS MUÇULMANOS BRITÂNICOS
O Ocidente hoje sequer consegue articular o nome da ameaça ou do inimigo, já que qualquer associação do terrorismo com o islamismo é visto como “preconceito”, curiosamente pelos mesmos que costumam separar “judaísmo” de “sionismo”. Se é possível fazer esta distinção entre judeus, muitas vezes para mascarar e dissimular o mais abjeto anti-semitismo, por que não se pode admitir que uma parte considerável da comunidade muçulmana no mundo têm visões radicais e está engajada em atividades que colocam o Ocidente em risco?
http://www.gazetadopovo.com.br/blogs/alexandre-borges/2017/05/25/o-que-pensam-os-muculmanos-britanicos/

Quando pensamos em assassinato em massa, o que nos vem à mente é Hitler. Se não é Hitler, então é Tojo, Stálin, ou Mao. Dá-se o crédito aos tiranos do século XX como os piores da espécie da tirania a terem já surgido na humanidade. Contudo, a verdade alarmante é que o islamismo já matou mais do que esses tiranos, e pode ultrapassar todos eles juntos em números e crueldade. A enormidade dessas matanças da “religião da paz” está tão longe da compreensão que até os historiadores honestos ignoram a dimensão. Quando olhamos além do foco míope, o islamismo é a maior máquina assassina da história da humanidade, sem exceção.
http://juliosevero.blogspot.com.br/2015/02/a-maior-maquina-assassina-da-historia.html

Cooperação Islâmica (OCI) para implementar a Resolução das Nações Unidas 16:18, que criminaliza toda a crítica ao Islam em todo o mundo, a Casa dos Representantes dos EUA emitiu a H. Res. 569, condenando a violência, intolerância e "retórica de ódio" para com os muçulmanos nos Estados Unidos.https://goo.gl/YorXIf   


Nenhum comentário:

Postar um comentário