CENSURA, DITADURA, POLITICAMENTE CORRETO

Seguidores

quarta-feira, 3 de julho de 2013

"MÉDICOS" CUBANOS - O QUE ESTÁ POR TRÁS DISSO?


INVASÃO CUBANA

 

*
MÉDICOS DO SUS - GREVE E PROTESTO DIA 03.06.2013




MÉDICOS CUBANOS OU AGENTES CUBANOS?

 http://youtu.be/-fXsacvnjZs

* 
 MÉDICOS CUBANOS: O QUE HÁ POR TRÁS DISSO?
 *

MEC FECHA FACULDADES DE MEDICINA E REDUZ VAGAS

*
Preso por exercício ilegal da medicina foi selecionado no Mais Médicos.
*

 Agora são os professores? - Libertar.in
*
INVASÃO CUBANA - PROGRAMA MAUS MÉDICOS - MP 621
*
"MÉDICOS" CUBANOS - O QUE ESTÁ POR TRÁS DISSO?
*
A CONSPIRAÇÃO DO FORO DE SÃO PAULO PARA INSTALAR DITADURAS DE ESQUERDA NA AMÉRICA - FARCS, PT, MST, FIDEL, CHAVES, LULA...
*
 A mentira sobre a medicina em Cuba
*
A realidade dos médicos no Brasil
*
MÉDICOS DO FORO DE SÃO PAULO

*

Médicos cubanos e escravidão

(...)

Segundo Juan Arias, correspondente no Brasil do jornal espanhol “El País” (21-5-13), a contratação de médicos cubanos teria sido descartada pelo governo brasileiro. As pressões teriam surtido efeito! Porém, a “importação” continua duvidosa.(MÉDICOS CUBANOS OCUPARÃO VAGAS NÃO ACEITAS POR BRASILEIROS) De qualquer modo, é interessante conhecer as tais “regras” a que os médicos cubanos ficaram sujeitos na Bolívia. O jornal carioca “O Globo”, de 17 de maio último, traz esclarecedora reportagem a respeito. Vejamos, em síntese.
*     *    *

Os médicos cubanos não têm boa formação
Os médicos cubanos não têm boa formação

Mesmo longe de casa, os médicos cubanos não saem do controle do governo de Cuba. Foi o que aconteceu com os que foram trabalhar na Bolívia em 2006, no âmbito do acordo de cooperação firmado entre os dois países. Os médicos ficaram sujeitos a uma série de restrições impostas pelo governo dos irmãos Castro.
Pelo Regulamento editado na época, os profissionais foram proibidos de falar com a imprensa sem prévia autorização, de pedir empréstimos aos nativos e de manter amizade com outros cubanos que tenham abandonado a missão.
Eles também foram impedidos de sair de casa depois das 18 horas sem autorização de seu chefe imediato. Ao pedir permissão, os médicos deviam informar aonde iam, os motivos da saída, e se estavam acompanhados de cubanos ou bolivianos.
Se quisessem sair da área onde residiam e trabalhavam, também precisariam de autorização. E se eles fossem sair de um dos departamentos bolivianos (o equivalente aos estados brasileiros), a autorização deveria ser concedida pelo chefe máximo da missão naquele departamento.
Eram ainda proibidos de beber em lugares públicos, com algumas poucas exceções como festividades nacionais cubanas, aniversários e despedidas do país de outros médicos cubanos. Pelo regulamento, eles não poderiam sequer falar, sem prévia autorização, sobre seu estado de saúde com seus amigos e parentes que vivem em Cuba.
O profissional deveria informar imediatamente às autoridades cubanas caso tivesse uma relação amorosa com alguma boliviana. Além disso, para que o namoro pudesse ir adiante, a parceira do médico deveria estar de acordo com o “pensamento revolucionário” das missões cubanas.
Segundo o regulamento, o não cumprimento dos deveres resulta em infração, o que pode levar o médico a ser processado e punido pela Comissão Disciplinar. Entre as punições previstas consta uma advertência pública, a transferência para outro posto de trabalho no país e o [temível] regresso a Cuba.
*      *     *

Era comum na Antiguidade pagã médicos serem escravos. O presidente do Conselho Directivo do Museu Nacional de História Natural e da Ciência, de Lisboa, José Pedro Sousa Dias, em sua obra História da Farmácia, da Farmacologia e da Terapêutica escreve que “Em Roma, os médicos eram de origem grega até finais da Antiguidade; primeiro foram levados como escravos”. (http://www.ff.ul.pt/~jpsdias/docs/Homens-e-medicamentos-parteI.pdf).


Com o advento do cristianismo, essa situação mudou radicalmente. No século XX, o comunismo trouxe de volta hábitos já exorcizados do paganismo. É o caso de Cuba! Esperemos que, de fato, o Brasil não aceite médicos nessa situação.


*

Mais sobre a agenda corruptora socialista:

O QUE ESTÁ POR TRÁS DO VANDALISMO NO BRASIL? - 2013


*

POR QUE A CRIMINALIDADE CRESCE? ESTRATEGIA REVOLUCIONÁRIA PRESSÃO DE CIMA E PRESSÃO DE BAIXO

http://conspiratio3.blogspot.com.br/2013/06/por-que-criminalidade-cresce-estrategia.html

*


*
Profissionais da saúde e estudantes de medicina protestam em São Paulo nesta terça-feira contra medidas do governo

Cerca de 500 manifestantes, entre médicos e estudantes de medicina, fazem nesta terça-feira (16) um novo protesto contra medidas anunciadas pelo governo federal. Da frente da sede do Conselho Regional de Medicina de São Paulo (Cremesp), na rua da Consolação, eles partiram em passeata até o centro da capital.
Leia também:

Para a filosofia terrorista, não existe lei e ordem que não se possa derrubar. Não existe lei, só a vontade do Partido: 

 Justiça decide que CRM-MG não pode negar registro provisório a estrangeiro

MÉDICOS TRAÍDOS: 26/10/13 – Aprendeu a lição, doutor Roberto?  
   
 
           

Nenhum comentário:

Postar um comentário